30/12/2012

Revista 'olhó barrete' no Mem Martins Sport Clube [video]

Teatro de revista no Mem Martins Sport Club no ano de 1996, capturado com câmara fixa no balcão. A imagem tem muito o que se lhe diga e o audio também mas espero que traga alguma nostalgia aos intervenientes e aos seus descendentes algum espanto por verem os seus progenitores a fazer tais figuras. como a conversão foi feita a partir de cassetes VHS já com bastantes anos, as dificuldades foram bastantes e o melhor que pude até agora está aqui exposto. Mais vídeos existem mas tenho de os converter e carregar. espero poder fazê-lo o mais breve possível.

Acidente na Linha de Sintra - 1965

Acidente Ferroviário - 1965

Foi no dia 23 de Dezembro de 1965, que se deu um violento choque de comboios entre a estação de Algueirão e a estação da Portela de Sintra. Segundo o que me contaram, o embate foi na zona próxima, onde hoje é a Policia Municipal.

Já tentei procurar e investigar sobre este acidente mas as informações são quase nulas. Valem as memórias de alguns habitantes, que se lembram da dimensão do acidente, e do som que se ouviu com o embate das composições...

1965 - Morrem vinte pessoas no choque frontal de dois comboios entre as estações de Sintra e do Algueirão. 
Fonte: Correio dos Açores

Este acidente foi apagado da história? Porquê?

Deixo aqui um testemunho anónimo...
"Lembro-me perfeitamente deste acidente porque assisti ao desenrolar dos acontecimentos no local. Faleceram bastantes pessoas, alguns da mesma família. Assisti ao funeral de algumas delas e penso que a CP tenta fazer esquecer este acidente que aconteceu pelo motivo de as duas composições circularem na mesma linha. O que vi foi horroroso e indescritível.Corpos mutilados dentro de uma amálgama de ferros retorcidos."

29/12/2012

GTMM - Grupo de Teatro de Mem Martins

O Grupo de Teatro de Mem Martins, Cooperativa Cultural (GTMM) foi uma associação de Algueirão-Mem Martins que desenvolveu nessa vila uma intensa atividade cultural entre 1974 e 1980.

26/12/2012

Encerramento DeBorla Mem Martins

O fim estava anunciado, já com o encerramento do pequeno snack-bar, e do espaço de limpeza de automóveis...

No passado dia 19 de Dezembro iniciou-se a liquidação total, com todos os artigos da loja com 50% de desconto.

A afluência foi enorme, e a loja em pouco tempo começou a ficar com pouca mercadoria... quase vazia...

A loja encerra dia 31 de Dezembro... 
"em Mem Martins, já nem DeBorla..."

Young Thugz ft. Landim - Tristi Falsidade [video]


23/12/2012

O antigo Natal de Mem Martins

Noutros tempos os habitantes de Mem Martins festejavam o Natal muito à sua moda. Sem peru, sem bacalhau, sem fritos, sem bolo-rei e até sem missa do galo (a igreja era longe - S.Pedro de Sintra).

Também não se fazia a consoada. Toda a festa tinha lugar no próprio dia de Natal. Nesse dia sim, as famílias, quer ao almoço, quer ao jantar, reuniam-se para festejar o nascimento do menino.

O prato forte era galinha, das mais gordas. Ao almoço, cozida com toucinho e chouriço acompanhada de arroz enxuto; à noite comia-se os restos aquecidos no caldo da canja, ou, se a dona era evoluída, corados no forno e comidos com arroz seco e batatas fritas... e bolo de Natal.

Este bolo era, em Mem Martins, a sobremesa tradicional da quadra. Havia-os em todos os lares, até nos mais pobres, pois estes nunca eram esquecidos pelos vizinhos mais abastados que lhos ofertavam para assim poderem, tal como os demais, festejarem o Natal.

O fabrico deste bolo caracterizava-se por uma curiosa e ferrenha competição. As mulheres esmeravam-se a confeccioná-lo e as respectivas provas faziam-nas os maridos nas tabernas.

O bolo de natal tinha, além de muito apaladado, a virtude de "durar" até para lá dos Reis - diziam os entendidos que, quando bem fabricado, quanto mais duro mais saboroso. Hoje caiu no esquecimento e foi ultrapassado pelo bolo-rei.

Texto retirado e adaptado do livro " Mem Martins - Retratos", de Zé de Fanares

16/12/2012

Antiga Linha de Sintra

Aqui deixo uma imagem antiga da estação da CP no Rossio, com a indicação de todas as estações e apeadeiros da Linha de Sintra

Algumas estações desapareceram, ou nasceram e outras mudaram a denominação...

... fica a recordação...


15/12/2012

Prédio Fantasma - Tapada das Mercês

Fica situado na Rua Professor Mário Azevedo Gomes, junto da estação de comboios, na Tapada das Mercês


Trata-se de um prédio fechado, desabitado e talvez inacabado...   
Quase um prédio fantasma....
Este edifício alguma vez foi habitado?

As lojas do piso térreo encontram-se emparedadas e não existe a porta principal de acesso às escadas...

Nas traseiras existe uma porta de fraca qualidade...


Pergunto eu: Não seria conveniente resolver o estado deste edifício?

09/12/2012

Video da Inauguração do Centro Paroquial das Mercês - 1992

Este vídeo é uma excelente recordação da Freguesia nos anos 90. 
Este vídeo fez ontem 20 anos.

Entrada do Salão em 1992

"A titulo precário e até à construção de uma nova igreja foi cedido à paroquia de Algueirão Mem Martins um amplo salão de 560m2, situado no lote 47 da Tapada das Mercês, para a celebração de missas, ensino da catequese a crianças e ainda de outras actividade sociais e religiosas da igreja.

A inauguração do salão paroquial realizou-se a 8 de Dezembro de 1992, dia de festa da Padroeira Nossa Senhora da Conceição e nesse dia houve procissão, bênção do salão e celebração da Santa Missa.

Rui Silva e Padre António

Para além do presidente da Câmara Municipal de Sintra, Dr Rui Silva, e do presidente da Junta de Freguesia de Algueirão - Mem Martins, Sr. Orlando Raposo, estiveram presentes o Sr. Padre António Emílio Martins de Figueiredo e outras entidades."

Excerto do livro "Descobrir Algueirão Mem-Martins, Dulce Pinto"

Este vídeo demonstra a Tapada das Mercês em construção, ainda com antiga estação de comboios, ainda sem Floresta Center, ainda com a passagem de nivel, ainda com muitos prédios em construção...

08/12/2012

Abertura da Loja JOM Sintra

Abriu hoje ao Publico a loja JOM Sintra


Na Abrunheira, saída 13 do IC1
(nó Mem Martins [São Carlos])
 em direcção a Carcavelos. 
 [entre a Tracevia e a Puratos]




05/12/2012

Nova Fase - Tapada das Mercês [Quinta da Marquesa]

Faz sentido nascer um novo projecto urbanístico na Tapada das Mercês? 'Quinta da Marquesa'...

Com todas as dificuldades na obtenção de crédito... dificuldades na aquisição de habitação...
... numa zona urbanisticamente degradada... faz sentido pensar neste tipo de projectos? 





24/11/2012

[SIC] Tiago - Mini Chuva de Estrelas [video]

Foi no dia 1 de Abril de 1994 que o jovem Tiago de 7 anos, nascido no dia 8 de maio de 1986, e residente em Mem Martins venceu o 1º prémio na primeira sessão do programa da SIC "Mini Chuva de Estrela", apresentado por Margarida Reis, imitando o cantor Marco Paulo, na musica "Taras e Manias".

http://www.imdb.com/name/nm2762462/


Em Setembro do mesmo ano, participou outra criança de Mem Martins, a Inês Bentes de 10 anos, interpretando Lisa Mineli, também vencendo a sua gala.


Na rubrica "Perdidos e Achados" do Jornal da Noite da SIC, podemos rever as imagens do passado da participação do Tiago, e ver um pouco do que é feito do Tiago, 18 anos depois.



23/11/2012

Boys Band Excesso [video]

Os Excesso foi a primeira boys band Portuguesa. Mais de 140.000 discos vendidos. 
Melão. Gonzo. Carlos. Duck. Portugal.
Esta banda começou em Mem Martins, nos estúdios da NZ Pruduções. Os elementos da banda eram vistos muitas vezes nesta zona, devido à sua ligação à editora.

Carlos Moreno (Duck) era residente em Mem Martins, e foi funcionário das Pastelaria Pera Doce na Av. Chaby Pinheiro. 

Existiu em Mem Martins uma loja "Excesso"

Reportagem "Perdidos e Achados" 
Toda a História da Banda...



 

21/11/2012

Campanha "Natal Solidário"

Vamos ajudar quem ajuda...
Nos próximos dias 22,23 e 24 de Novembro, nas instalações dos Recreios Desportivos do Algueirão (Algueirão Velho)
http://www.bom-pastor.org/casas.php?idCasa=12

A Casa de Sant`Ana, sita em Portugal – Sintra, é uma I.P.S.S., pertencente à Congregação da Nossa Senhora da Caridade do Bom Pastor.

Iniciou a sua actividade em Setembro de 1980 mas, o edifício do Centro de Acolhimento só foi construído e inaugurado em Abril de 1985.

Desde Dezembro de 2001 que tem a valência para Comunidade de Inserção para Mulheres em Situação de Risco..

Casa de Sant’Ana
Comunidade:
Tel: 219 164 099 - Fax: 219 167 216

Instituição:
Estrada dos Pexiligais, 46
2725 - 659 Algueirão Mem Martins 


18/11/2012

Publicidade Caramelos Circo - Lusiteca

Aqui deixou um anuncio publicitário de 1989 dos Caramelos Circo, fabricados na Lusiteca, em Mem Martins

Estes Caramelos ainda hoje são fabricados.



17/11/2012

História da Escola Piloto - Mem Martins

A Escola Piloto, agora designada por EB1 nº 2 de Mem Martins, foi inaugurada em 1966. Construída na altura pelo M.O.P. (Ministério das Obras Públicas) com o intuito de criar um projecto piloto de que a construção nada tinha com as escolas do Estado Novo mas estruturas com nova imagem. 
Esse projecto piloto tinha como finalidade que os alunos que frequentassem a 1ª classe, apesar de mudar de sala de aulas à medida que transitavam de ano, a professora acompanhava os mesmos até à 4ª classe e assim sucessivamente...
A Escola Piloto, tem vindo, com o passar dos anos, a sofrer alterações estruturais bem como melhoramentos de equipamento. No entanto a estrutura base bem como a sua imagem primária tem se mantido. Mas eis a história ...
História da E.B.1 n.º2 de Mem Martins
No ano de 1960 é criada a OCDE (Organização de Cooperação e Desenvolvimento Económicos) de que faz parte o CERI (Centro para a Investigação e Inovação no Ensino) que considerava que o desenvolvimento do sistema educativo era determinante no desenvolvimento económico e o DEEB (Desenvolvimento e Economia em Construções Educacionais) que apoiava as construções escolares. 
O ministro da Educação da altura, Leite Pinto, solicitou à OCDE um estudo internacional sobre as necessidades educativas em Portugal e daí resultou o Projecto Regional do Mediterrâneo que incluiu, além de Portugal, a Espanha e a Grécia e ainda a Itália, a Turquia e a Jugoslávia. Em Portugal, para passar a escolaridade obrigatória de 4 para 6 anos, mesmo passando as classes para regime duplo ou desdobramento (ou só de manhã ou só de tarde), era necessário construir mais de 2000 salas de aula, num país em desenvolvimento.
Em 1963 foi criado o Grupo de Trabalho sobre Construções Escolares, constituído por técnicos (alguns dos quais com experiência de construções escolares na União Internacional de Arquitectos) do Ministério da Educação Nacional e do Ministério das Obras Públicas, que em 1965 elaborou as Normas para a Construção de Edifícios para o Ensino Primário Elementar, que não chegaram a entrar em vigor.
Na sequência e em aplicação dos estudos realizados no âmbito do Ministério das Obras Públicas, em colaboração com o Ministério da Educação Nacional e ao abrigo de acordo celebrado com a O.C.D.E., em 31 de Dezembro de 1963, foi-se construindo, com o apoio da Câmara Municipal de Sintra, em Mem Martins, um edifício destinado a ser escola-piloto do ensino primário, tendo--se tornado modelo nas futuras construções de escolas primárias.
O conceito de escolas ideais nesta altura era um conceito de “escolas de área aberta”. A Escola Piloto de Mem Martins, que não sendo de planta aberta, demonstrava aproximações a esse conceito e era o que de mais inovador existia em Portugal.
A escola de área aberta tinha sido projectada partindo do pressuposto de não haver espaços individuais para a turma. O que permitia elaborar um programa distinto, juntar o programa educativo com as preferências dos alunos. 
O edifício ficou concluído em 1966. Por despacho ministerial de 3 de Agosto de 1967, foi oficialmente criada a Escola Piloto, actual E.B.1 nº2 de Mem Martins, sob a orientação do arquitecto inglês Guy Oddie.
Uma escola que se pretendia em tudo inovadora, não só no espaço físico, mas também nos recursos utilizados e orientações no campo da pedagogia.
Em Portugal, vigorava ainda a separação de sexos no ensino primário. Na construção de Mem Martins, foi necessário construir quatro salas (duas de cada sexo) com recreios cobertos também separados. O pátio a sala polivalente e a biblioteca eram comuns. 

O ano lectivo de 1967-1968, marcou o arranque da escola que funcionou como escola-piloto, um local onde se realizaram experiências pedagógicas inéditas em Portugal, até ao ano de 1974. Após esta data, passou a integrar a rede normal, passando a denominar-se E.B.1 nº2 de Mem Martins, no entanto ainda hoje é conhecida pelo seu nome Original “Escola Piloto”.
Com o 25 de Abril, a situação mudou e os professores andavam de escola em escola, o que dificultava a adaptação a um modelo pedagógico diferente.
À medida que a população cresceu, havia menos espaço para os alunos. E assim o modelo tradicional das escolas reconquistou o terreno que antes lhe pertencia, até pelas alterações do modelo de ensino que actualmente se baseia numa escola básica com nove anos de escolaridade obrigatória. Várias situações no ensino alteraram-se e o edifício não resistiu às mudanças.
A necessidade de crescimento da escola, para poder responder ao crescente número de alunos, fruto do aumento de densidade populacional que esta localidade sofreu, a escola necessitou de criar dois novos anexos.
No ano lectivo de 2004-2005 foi criado o Agrupamento Vertical de Escolas Maria Alberta Menéres. A Escola passou a estar agregada à escola do 2º e 3º ciclos com o mesmo nome.

Young Thugz - sina triste [video]


15/11/2012

Escola Primária Guerra Junqueiro - Mem Martins

A Escola Primária Guerra Junqueiro foi um símbolo da vontade do povo de Mem Martins, que os interesses do betão nos anos 80 conseguiu destruir...

Se foste aluno desta escola, junta-te ao grupo do Facebook

Grupo Facebook -> Escola Primária Guerra Junqueiro 

Clica

 

 

14/11/2012

Reportagem sobre a Lusiteca, na RTP


No passado dia 3 de Março de 2010, no programa Portugal em Directo na RTP, foi apresentada uma reportagem sobre a produção de rebuçados e pastilhas, na fabrica Lusiteca, em Mem Martins.

Aqui segue, em duas partes, a reportagem sobre as linhas de fabrico, de uma das imagens que marcam a freguesia de Algueirão - Mem Martins.
(apesar da fabrica estar instalada na freguesia de Rio de Mouro, sempre esteve muito mais ligada a Algueirão Mem Martins, por questões geográficas, e para isso basta verificar o código postal e a morada da empresa)

Caramelos



Pastilhas

11/11/2012

Siglas dos bairros

Quem circula na Tapada das Mercês já terá reparado nestes símbolos e pinturas por quase todas as ruas...


Na Vila, nas ruas... criaram-se algumas siglas a definirem os bairros... e provavelmente existirão mais...

TDM --> Tapada das Mercês
KSJ --> Casal de São José
SCC --> São Carlos
KPM --> Coopalme


10/11/2012

Parceria Natal 2012 - Biju Princesa

Entra na pagina BijuPrincesa e usufrui de 10% de desconto até 31Dezembro
(para usufruir do desconto, na encomenda terás de fazer referência ao Blog Algueirão Mem Martins)




Canela - banda de world music

Os "Canela" são uma banda de world music com elementos nascidos e criados em Algueirão Mem Martins, de onde tantos bons musicos já sairam! 

http://pt.myspace.com/canelamusic

Este novo álbum foi gravado em Mem Martins, onde também são realizados os ensaios! 

Portanto, um projecto 100% nascido e criado nesta freguesia!!


07/11/2012

Comboio para o Fórum Sintra

Como posso ir comboio ao Fórum Sintra??
Bem, não é possível ir directamente de comboio até ao Fórum Sintra, e será sempre necessário a utilização do autocarro da ScottUrb.

 Clica para ver os horários

Na Linha de Sintra é possível os seguintes autocarros:
Estação CP Mem Martins: 460
Estação CP Portela: 448
Estação CP Cacém: 448
Estação CP Rio Mouro: 460 e 468
 
  
Na Linha de Cascais é possível o seguinte autocarro:
Estação CP Oeiras: 468



06/11/2012

Nova loja - PTN Store - Mem Martins

Esta informação merece destaque, pois é algo que vai sendo raro nos dias de hoje em Algueirão Mem Martins (e talvez em Portugal)...

ABERTURA DE NOVA LOJA
PTN Store
Rua Domingos Saraiva, junto à Junta de Freguesia


Vale a pena espreitar...

05/11/2012

Kraft Foods: Trabalhadores exigem aumento de 35 euros


Noticia Diario Digital 
http://dinheirodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=30&id_news=189680

Os trabalhadores da empresa de produtos alimentares Kraft Foods, em Mem Martins, Sintra, querem ver o seu salário aumentado em 35 euros a partir de 2013, devido ao elevado volume de trabalho.

Em declarações à agência Lusa, o representante do sindicato dos trabalhadores, Fernando Rodrigues, adiantou que o acréscimo de 35 euros ao salário já em janeiro será «o mínimo exigido» no valor da remuneração.

«Justo nunca será, mas consideramos que esse é o mínimo exigido. Entregámos há duas semanas essa proposta à empresa e agora aguardamos a negociação», afirmou o responsável.

Num universo de 180 trabalhadores, o plenário de hoje reuniu cerca de 60 e serviu também para apelar à adesão na próxima greve geral de 14 de novembro.

«Esta é uma empresa que tem sempre respondido de forma positiva às greves gerais, com cerca de 80% de adesão e não esperamos que desta vez seja diferente», concluiu Fernando Rodrigues.

Presente no plenário esteve também o líder da CGTP, Arménio Carlos, que quis solidarizar-se com os trabalhadores, naquela que considera ser a melhor forma de fazer crescer a economia do país.

«O aumento dos salários é um elemento indissociável da procura interna. Ou seja, é por esta via, de mais justa distribuição de riqueza, melhor resposta aos trabalhadores e aumento de produção que, em consonância, vai melhorar a nossa economia interna», afirmou Arménio Carlos.

04/11/2012

História - Lugar de São Carlos, Mem Martins

Qual a origem do "Lugar de São Carlos" em Mem Martins? 

As pessoas mais antigas de Mem Martins sempre denominaram esta zona da vila pelo "Os Carlos"...  
   - "preciso de ir ali aos Carlos"
   - "eu tenho um terreno nos Carlos"

Com o passar do tempo generalizou-se o nome do Bairro de São Carlos. A designação desta zona teve origem num projecto do Grupo Onomástico "Os Carlos", no inicio dos anos 40.


Foi noticia na "Gazeta dos Caminhos de Ferro" em 1 Junho de 1944, a aquisição dos terrenos para um grande projecto deste grupo.

titulo da noticia na publicação da" Gazeta dos Caminhos de Ferro" em 01 Junho 1944
"Graças ao esforço da comissão Pró-Casa de "Os Carlos", forma adquiridos em Mem Martins (Sintra) quatorze mil metros quadrados de terreno, que se destinam a pavilhões para Casa de Repouso de Carlos Doentes e Casa de Agasalho para Carlos Inválidos e ainda Colónia de Verão para Carlos Miúdos.

A direcção do Grupo fez distribuir pelos 5.000 sócios efectivos umas cadernetas com 10 senhas de $50, que se destinam aos "tejolos" para a construção da Casa de "Os Carlos", senhas estas que serão passadas a todas as pessoas que humanamente estão dispostas a colaborar em obras de assistência com resultados benéficos e de interesse para os que deles necessitem.

Brevemente iniciar-se-ao as obras de construção de mais esta 
casa de amparo aos Carlos necessitados"


Foi na mesma publicação, na edição do dia 01 de Novembro de 1946, que vem descrito o Programa das Festas comemorativas do 17º aniversário do Grupo Onomástico "Os Carlos", que já reunia nesta altura 10 mil sócios por todo o pais.

As festas iniciavam-se no dia 4 de Novembro (dia de São Carlos), e terminavam no dia 10 de Novembro. 

Vou apenas destacar os acontecimentos do dia 10 de Novembro de 1946, que decorriam em Mem Martins  

excerto da noticia, com o programa para dia 10 de Novembro de 1946

A zona de São Carlos em Mem Martins foi loteada e preparada para a realização deste sonho que nunca se realizou. 

Algumas vivendas ainda nasceram propriedade de "Carlos", onde se podia destacar a vivenda de "Carlos Eugénio Dias Ferreira", pai da economista Manuela Ferreira Leite e do advogado e comentador desportivo, José Dias Ferreira, que chegou a ser presidente da direcção e da mesa da assembleia geral do Mem Martins Sport Clube.

Muitos dos rapazes nascidos em Mem Martins nos anos 40 chamam-se Carlos...

local onde num passado recente foi destruída a moradia da família Dias Ferreira